Dia do Trabalho: Confira filmes que todo trabalhador deveria assistir

Neste domingo (1º), comemoramos uma data importante: O Dia do Trabalhador. A data é um verdadeiro marco, pois foi nela que muitos conseguiram reivindicar seus direitos e melhores condições de trabalho.

Mas você sabe como a data surgiu? Vamos à explicação. Em 1886, realizou-se uma manifestação de trabalhadores nas ruas de Chicago, nos Estados Unidos. A manifestação tinha como objetivo reivindicar a redução da jornada de trabalho para 8 horas diárias, contando com a participação de muitos trabalhadores insatisfeitos. Nesse dia, teve início uma greve geral nos Estados Unidos.

A data escolhida foi o primeiro dia de maio, como homenagem às lutas sindicais de Chicago. Em 1º de maio de 1891, uma manifestação no norte de França é dispersada pela polícia resultando na morte de dez manifestantes. Esse novo drama serve para reforçar o dia como um dia de luta dos trabalhadores e meses depois a Internacional Socialista de Bruxelas proclama esse dia como dia internacional de reivindicação de condições laborais.

Apesar de até hoje os estadunidenses se negarem a reconhecer essa data como sendo o Dia do Trabalhador, em 1890 a luta dos trabalhadores estadunidenses conseguiu que o Congresso aprovasse que a jornada de trabalho fosse reduzida de 16 para 8 horas diárias.

Para comemorar a data, selecionamos alguns filmes que simbolizam os milhares de trabalhadores pelo mundo afora. Se por acaso se identificar com algum será mera coincidência. Vamos lá?

Tempos Modernos (1936) / Direção: Charlie Chaplin

Tempos Modernos

Como falar de trabalho e não citar esse clássico? Em ‘Tempos Modernos’, Chaplin é funcionário de uma fábrica, na qual tem um colapso nervoso por trabalhar de forma escrava. Ele é levado ao hospício, e quando retorna à sua vida normal, encontra a fábrica já fechada. Ele tem que arrumar um emprego rapidamente e consegue ser admitido em outra fábrica, mas logo os operários entram em greve e ele se mete novamente em perigo. No meio da confusão, vai preso ao jogar sem querer uma pedra na cabeça de um policial. O filme é muito atual, e mostra uma vertente social muito interessante. Vale conferir!

Mentes Perigosas (1995) / Direção: John N. Smith

25706

Quem disse que a profissão de professor é fácil? Principalmente quando precisa-se trabalhar em uma rede pública de ensino e seus alunos são delinquentes e rebeldes? Em ‘Mentes Perigosas’ é assim. Uma ex-oficial da marinha (Michele Pfeiffer) abandona a vida militar para realizar um antigo sonho de ser professora de inglês. Na primeira escola em que começa a lecionar, ela se depara com diversas barreiras. Sendo um colégio de negros, latinos, e na maioria de pessoas pobres, ela irá acabar tendo que enfrentar a fúria de alguns alunos. Como ela não consegue através de métodos convencionais a atenção da sua classe, ela parte para outra forma de ensino. Passa a dar aulas com karatê e músicas do Bob Dylan, tentando ajudar a turma por meio de métodos pouco convencionais. Recomendação máxima!

Jerry Maguire – A Grande Virada (1996) / Direção: Cameron Crowe

Jerry Maguire

Um cara espontâneo, que só queria ser um bom agente. Esse é Jerry Maguire, interpretado por Tom Cruise. Depois de uma polêmica declaração sobre como os agentes deveriam trabalhar, Jerry Maguire passa a enfrentar uma enorme crise em sua carreira no mundo esportivo. Aos poucos, ele vai perdendo todos seus clientes, restando apenas um polêmico jogador de futebol americano, que ele tem de usar para se reerguer profissionalmente.

A Rede Social (2003) / Direção: David Fincher

A rede social

Mark Zuckeberg é um grande exemplo como empreendedor. Ainda muito jovem, tornou-se o criador do Facebook, uma das mídias sociais mais famosas da atualidade. Ao mesmo tempo em que se tornou um dos homens mais ricos do mundo, o analista de sistemas teve de encarar problemas novos em sua vida, como lutar na justiça pela patente da mídia social que ele criara. Bom filme!

O Operário (2004) / Direção: Brad Anderson

O Operário

Grande quantidade de trabalho também pode influenciar em sua saúde. Nesse filme, é possível entender um pouco disso. Trevor Reznik sofre de insônia há um ano e isso se reflete nitidamente em sua saúde física e mental. Por esse motivo, nos últimos tempos se tornou um homem bastante solitário. O homem é operário de uma fábrica, e durante um dia normal no trabalho seu colega o pede para ajudar em uma máquina que opera, mas por distração, o colega sofre um grave acidente. Logo após o ocorrido, Reznik começa a desconfiar que está sendo perseguido pelos outros colegas de trabalho e fica paranoico com a ideia de que o culpam pelo que aconteceu. Outras situações fazem com que ele fique ainda mais desconfiado e mais do que nunca, busque lutar para manter sua sanidade e seu emprego. Vale a pena!

O Diabo Veste Prada (2006) /Direção: David Frankel

O Diabo Veste Prada

O que você faria para manter o seu trabalho? Até que ponto você aguentaria um chefe insuportável para garantir seu salário no fim do mês? Isso é o que acontece com a jovem Andrea Sachs, que após se formar na faculdade de jornalismo, sai pelas ruas de Nova York atrás de um emprego. Com um excelente currículo, logo ela conquista uma vaga na Runaway Magazine, uma das mais importantes revistas de moda dos Estados Unidos. Sem nunca ter ouvido falar no veículo, Andrea não demora a perceber que não será fácil manter sua vaga, principalmente por conta de sua editora, a arrogante e impetuosa Miranda Priestly. Filme gracioso!

Funcionário do Mês (2006) / Direção: Greg Coolidge

Funcionário do Mês

Quem nunca quis ser o funcionário do mês e ganhar aquelas premiações surreais? Zack é assim. Ele ganha pouco, mas se diverte. Funcionário de um hipermercado, o rapaz não está nem aí com a carreira. Promoções e o sucesso fazem parte do currículo de gente irritante como o mauricinho Vince, escolhido todo mês como o funcionário exemplar. Chega a hora da disputa mais esperada. Aquele que fizer o maior número de pontos leva para casa um carrão zero quilômetro, prestígio e o amor da caixa Amy.

Não Sei Como Ela Consegue (2011) /Direção: Douglas MCGrath

Não sei como ela consegue

Esse é o típico exemplo de trabalhadoras. Kate Reddy é o modelo da mulher moderna, dividindo seu tempo entre os afazeres domésticos como mãe de família e os profissionais, decorrentes de seu trabalho. Ela sofre com a falta de tempo para o marido Richard e os filhos Emily e Ben, um problema que aumenta ainda mais quando passa a trabalhar com Jack Abelhammer na criação de um fundo.

Quero Matar o Meu Chefe (2011) / Direção: Seth Gordon

Quero matar o meu chefe

Admita. Você já quis matar o seu chefe, não é? Em algum momento aquele ser te tirou do sério e você desejou que ele caísse e quebrasse os dentes ou que algo pior acontecesse. Para Nick, Kurt e Dale, não é diferente. A única coisa que faria suas vidas profissionais serem melhores seria transformar seus intoleráveis chefes em pó. Demissão não é uma opção para eles, portanto, com os benefícios gerados por um pouco de bebida forte a mais e alguns conselhos dúbios vindos de um consultor especializado – um ex-presidiário –, os três amigos desenvolvem um plano torcido e aparentemente à prova de falhas para se livrarem dos seus empregadores, de uma vez por todas! Só existe um pequeno problema: mesmo os melhores planos são tão infalíveis como o cérebro que está por trás deles. Diversão garantida!

Os Estagiários (2013) / Direção: Shawn Levy

Os estagiários

E quem disse que estagiário não trabalha? Trabalha sim, e muito. No filme, Billy e Nick são vendedores, cujas carreiras foram bombardeadas pelo mundo digital. Tentando provar que não são obsoletos, eles desafiam as chances e conseguem um estágio na empresa Google, junto com um batalhão de brilhantes estudantes. Mas ganhar o estágio foi apenas o começo. Agora eles devem competir com um grupo de elite de gênios da tecnologia provando que necessidade é mesmo a mãe da reinvenção!

Fizemos mais um especial para você, leitor, se divertir e curtir em uma data importante. Esperamos que tenha curtido. Até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não quer perder nenhuma notícia? Siga o nosso perfil no Twitter!

Rainha! Alguém tinha dúvidas? A Agatha de Kathryn Hahn faturou o prêmio de melhor vilã do #MTVAwards

Entertainment Weekly@EW

👏Kathryn Hahn👏

Uma história de redenção, sobrevivência e fogo. Angelina Jolie estrela #AquelesQueMeDesejamAMorte, 27 de maio nos cinemas.

Nos EUA, a bilheteria de "Espiral: O Legado de Jogos Mortais" massacra "Aqueles que me desejam a morte". Ambos chegam em breve nos cinemas brasileiros.

2

Segundo Malcolm Spellman, o roteirista de #CapitãoAmérica4, o próximo confronto de Sam Wilson será interno, devido ao fato dele não ter superpoderes e ainda assim ter assumido o título de Steve Rogers. #MarvelStudios

Billy Porter como a fada madrinha na vindoura adaptação de #Cinderella para o @PrimeVideoBR

Diretora de #Loki comenta que, em parte, a série foi inspirada em #Teletubbies! Como assim?!?