Netflix vai restringir acesso a outros países. Entenda!

Atualmente é possível acessar o catálogo da versão americana do Netflix, seja através de aplicativos, seja por outros meios igualmente ilegais. Independentemente de qual for a sua justificativa, o problema é que a empresa Netflix tem um contrato com as distribuidoras, que fica restrito, em muitos casos ao país em que ele é celebrado.

Assim, naturalmente, para evitar problemas de ordem jurídica, a empresa vai impedir qualquer acesso ao catálogo de outros países. Isso de forma alguma vai impedir que você tenha acesso a um ou outro título ‘raro’ no Brasil. A Netflix deixou claro que pretende uniformizar todo catalogo, para que nenhum país saia ‘muito prejudicado’.

Se você quiser, existem aplicativos que podem auxiliar você a achar ‘aquele’ título que parece perdido no enorme acervo do serviço. O serviço, ao longo das próximas semanas, vai divulgar mais detalhes sobre a restrição, portanto fiquem ligados!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não quer perder nenhuma notícia? Siga o nosso perfil no Twitter!

Hayden Christensen estará na série "Ahsoka", do Disney+. Ele pode voltar como Anakin ou Darth Vader em flashbacks ou como um fantasma da força, ou ainda tudo isso. Rosario Dawson interpreta a protagonista que dá o título da série

2

Ryan Gosling está em negociações para viver o Ken no live-action "Barbie". Longa será estrelado pela Margot Robbie e dirigido por Greta Gerwig (de "Lady Bird" e "Adoráveis Mulheres").

2

CEO da WarnerMedia Studios, Ann Sarnoff, sobre #Duna Parte Dois: “Se nós teremos uma sequência? Se você assistiu ao filme, eu acho que você sabe a resposta".

#Duna tem qualidade suficiente para agradar diferentes espectadores, porque é um filme lindo visualmente e super detalhado, bem cara do diretor Denis Villeneuve.

Temos um título! A sequência de "Homem-Aranha no Aranhaverso" recebeu o título "Homem-Aranha através do Aranhaverso", em tradução livre.