NOVIDADES SOBRE O NOVO FILME “ROAD-MOVIE” DE LÚCIA MURAT

“Ana. Sem Título”, road-movie da diretora Lúcia Murat (“Praça Paris”, “Quase Dois Irmãos”, “A Memória que me Contam”), chega aos cinemas dia 29 de julho. O longa foi selecionado para a 44ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo e teve sua première mundial no Festival Internacional de Cinema de Moscou. A produção é da Taiga Filmes e a distribuição no Brasil é da Imovision. 

Livremente inspirado na peça “Há mais futuro que passado” o road-movie “Ana. Sem Título” apresenta artistas plásticas mulheres da América Latina através da ótica de Stela. A personagem resolve fazer um trabalho sobre cartas trocadas entre elas durante os anos 70 e 80. Stela parte em uma viagem para Cuba, México, Argentina e Chile para descobrir o que essas mulheres enfrentaram durante as ditaduras nesses países. Nessa viagem, encontra inúmeras artistas importantes e muitas ativistas como as da associação Mães da Praça de Maio, que perderam seus filhos durante a Ditadura Militar na Argentina. Em meio a idas e vindas ela descobre Ana e resolve se aprofundar melhor sobre a vida dessa artista e ir atrás de sua história. 

“Resolvi fazer desse trabalho um filme porque sabia que nesta busca ia encontrar minha geração. No Brasil, existem mais de 430 mortos desaparecidos durante a ditadura. Muitas mulheres. Mas, diferente do Chile, os responsáveis nunca foram julgados”, comenta a diretora Lúcia Murat. 

Não quer perder nenhuma notícia? Siga o nosso perfil no Twitter!

Hayden Christensen estará na série "Ahsoka", do Disney+. Ele pode voltar como Anakin ou Darth Vader em flashbacks ou como um fantasma da força, ou ainda tudo isso. Rosario Dawson interpreta a protagonista que dá o título da série

2

Ryan Gosling está em negociações para viver o Ken no live-action "Barbie". Longa será estrelado pela Margot Robbie e dirigido por Greta Gerwig (de "Lady Bird" e "Adoráveis Mulheres").

2

CEO da WarnerMedia Studios, Ann Sarnoff, sobre #Duna Parte Dois: “Se nós teremos uma sequência? Se você assistiu ao filme, eu acho que você sabe a resposta".

#Duna tem qualidade suficiente para agradar diferentes espectadores, porque é um filme lindo visualmente e super detalhado, bem cara do diretor Denis Villeneuve.

Temos um título! A sequência de "Homem-Aranha no Aranhaverso" recebeu o título "Homem-Aranha através do Aranhaverso", em tradução livre.