“Sandy + Chef” acerta no formato cativante de programa culinário para leigos

A nova série nacional da HBO Max, “Sandy + Chef”, que estreia no dia 11 de novembro, pode ser uma ótima escolha para aqueles amantes de séries culinárias, principalmente para quem não sabe cozinhar muito bem, pois o formato segue a ideia de identificação do público quando nem a apresentadora tem tanta prática assim, que neste caso, é a Sandy.

O reality com 6 episódios, acompanha a famosa cantora se aventurando na cozinha ao lado de renomados chefs, incluindo Paola Carosella, Murakami, Lili Almeida, Thiago Castanho, Renata Vanzetto e João Diamante, e convidados especiais que são os membros de sua família, como seu pai e cantor Xororó e seu irmão Júnior. Vale destacar que ao final de cada episódio, os chefs serão convidados a eleger uma ONG relacionada à gastronomia para receber uma doação de 25 mil reais.

Durante o evento de divulgação do reality, Sandy destacou que nunca se imaginou apresentando um programa de culinária, pois mesmo adorando cozinhar, ela tem pouca prática.“Foi realmente uma aventura”, disse a cantora, “Acho que eu tenho uma certa intuição para a gastronomia e aprendi um monte [com o programa]”, completou.

A série é a versão brasileira do reality culinário americano, “Selena + Chef”, apresentado por Selena Gomez. Por conta disso, segue um mesmo padrão adaptado para a pandemia, onde a cantora cozinha com ajuda dos familiares e conversando com os chefs através de videoconferências.

Sobre essa diferença de formato, Sandy achou desafiador aprender os pratos apenas sendo guiada à distância pelos chefs. Mas é neste ponto que o programa consegue cativar, pois em muitos momentos ela tem dúvidas de iniciantes, onde a explicação dos chefs fica muito mais didática, ajudando até o espectador a entender como também reproduzir a receita.

Mas mesmo com essa boa ideia de comunicação com o público, o programa peca na sua pós-produção, principalmente na montagem, pois muitas vezes acontecem cortes muito rápidos para mostrar os chefs e a Sandy trabalhando, confundindo o aprendizado de quem assiste.

Em relação à música e culinária, a cantora vê muitas semelhanças, pois ela acredita que “música, incontestavelmente, é uma forma de arte, e eu identifico muito isso na culinária”, afirma Sandy, “porque são tantos processos, tem que ter um estudo, uma técnica, um foco… A gastronomia vem também de um lugar de inspiração”, finalizou.

Além de cozinhar, o reality também vira um lugar de entrevistas entre os participantes, onde se diverte conhecendo algumas histórias tanto dos chefs como da própria apresentadora.  Com essas conversas, os episódios vão ganhando um tom mais acolhedor, por explorar esse lado mais humanizado de figuras famosas, como a própria Sandy e sua família, demonstrando um pouco mais sua personalidade fora dos palcos, em algo bem mais “gente como a gente”.

Concluindo, “Sandy + Chef” é totalmente efetivo na sua proposta. Carrega uma narrativa leve, divertida e ótima para passar o tempo. É com certeza, uma opção para quem gosta de assistir programas culinários para amadores.

Não quer perder nenhuma notícia? Siga o nosso perfil no Twitter!

Bom dia, Tribo! Começoooooooou! A #CCXPWorlds está ON com a transmissão do terceiro dia da fase de grupos da @IEM Winter 2021 na #GameCCXP. Mas parece que acordamos antes do @Gaules 👀

OBRIGADA, BRASIL! 🇧🇷🕷️ E aí, já garantiu o ingresso mais desejado do momento?

#HomemAranhaSemVoltaParaCasa - em 16 de dezembro somente nos cinemas. Compre já seu ingresso.

SAVE THE DATE 👉 29 de novembro!
Em UMA SEMANA começa a PRÉ-VENDA mais aguardada do ano ❤️🕷️🕸️ #HomemAranhaSemVoltaParaCasa - 16 de dezembro exclusivamente nos cinemas.

Celebração de 20 anos de Harry Potter nos cinemas não contará com J.K. Rowling. Sendo isso uma escolha dela ou não, é uma grande gafe desta produção. Fará muita falta 💔

20 anos depois de dirigir o primeiro filme, Chris Columbus diz que adoraria voltar para dirigir uma adaptação de "Harry Potter e a Criança Amaldiçoada", com o elenco original dos cinemas.