Os estúdios Disney já começaram a sua procura por atores do Oriente Médio para interpretar o famoso Aladdin e seu par romântico, Jasmine, em seu mais novo live action.

Dani Fernandez que faz parte do departamento de elenco, divulgou em seu perfil no Twitter uma foto anunciando as características e habilidades que os atores devem ter para se encaixarem aos personagens, como ter entre 18 e 25 anos, saber cantar e que preferencialmente saibam dançar.

“Certo crianças, se vocês conhecem alguém que se encaixe nisso, é melhor você compartilhar isso com ele. Envie [email] o mais cedo possível. Boa sorte meus bebês”.

O anúncio também diz que os ensaios irão começar mês que vem e que as filmagens acontecem em julho deste ano e janeiro de 2018 no Reino Unido.

O longa conta com a produção executiva de Jonathan Eirich (“Histórias Cruzadas”), Dan Lin (“Sherlock Holmes”, 2009) na produção, como roteirista John August (“Peixe Grande e Suas Histórias Maravilhosas”) e na direção Guy Ritchie (“Snatch – Porcos e Diamantes”).

A trama da animação original de 1992 conta a história de um jovem chamado Aladdin e sua mascote Abu, um macaquinho ousado, que decidem resgatar a meiga princesa Jasmine e conquistar seu coração. Mas a vida de Aladdin mudará para sempre quando ele encontra o que parece ser só uma lâmpada mas, na verdade, é uma lâmpada mágica. Ao esfregá-la, um grande e adorável gênio aparece e lhe oferece três desejos que o farão viver uma incrível aventura cheia de descobertas a bordo de um tapete mágico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não quer perder nenhuma notícia? Siga o nosso perfil no Twitter!

Novas imagens de #WhatIf foram divulgadas. Confira:

4

Comédia canibal? Anya Taylor-Joy e Nicholas Hoult devem estrelar o filme de humor negro "THE MENU". Na trama, um casal visita um exclusivo restaurante em uma ilha remota, com algumas surpresas.

2

Uma série baseada no filme #Waterworld, com Kevin Costner, está em desenvolvimento.

Segundo a @Variety, Scarlett Johansson está processando a Disney pelo lançamento de "Viúva Negra" no Disney+. A ação representa uma quebra de contrato da atriz, que definia um percentual de ganhos baseado em um lançamento exclusivo nos cinemas.

A plataforma StarzPlay conseguiu barrar na justiça o uso do nome #StarPlus para o novo serviço da Disney de conteúdo adulto. Caso correrá na próxima instância, mas não se sabe se será a tempo do lançamento da plataforma em agosto.

A #Netflix está desenvolvendo uma série live-action de Pokémon.