Documentário sobre Anne Frank foi exibido em segredo no Irã, país que não reconhece o Holocausto

‘Anne Frank: Then and Now’ foi exibido secretamente no Irã, fato que o Deadline descreveu como um “avanço cultural clandestino”. A observação sobre a projeção se deve ao fato do Irã não reconhecer o Holocausto.

Neste ano, no dia em que alguns lugares do mundo relembram o genocídio ocorrido durante a Segunda Guerra, o líder supremo do país, Ayatollah Ali Khamenei, publicou um vídeo questionando a existência deste. “Não é claro se a questão central deste assunto é realidade ou não”, afirmou ele.

Os detalhes desta exibição foram devidamente escondidos para zelar pela segurança dos organizadores. Mas se sabe que, terminado o filme, um dos diretores, o croata Jakov Sedlar, participou de uma conversa de cerca de uma hora sobre sua obra e a importância de se falar abertamente sobre o genocídio.

O documentário, filmado em 2014 na Faixa de Gaza, intercala interpretações do texto de Anne Frank por duas meninas israelenses e oito palestinas com verdadeiras aulas sobre o conteúdo expresso pela adolescente, que se escondeu dos nazistas na Holanda.

Assista ao teaser do documentário e veja a atualidade do discurso de Anne Frank:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não quer perder nenhuma notícia? Siga o nosso perfil no Twitter!

Chloé Zhao irá escrever e dirigir uma nova versão de "Drácula" para a Universal.

2

No @DisneyPlusBR, a série "Agents of SHIELD" foi movida para a sessão "Marvel Legacy", dando a entender que a série não faz mais parte do MCU.

Elizabeth Olsen estrelará minissérie "Love and Death", produzida por Nicole Kidman para a HBO Max, sobre a história real de uma mulher que matou sua colega de igreja com um machado no Texas.

2

Para celebrar o #StarWarsDay, chega amanhã ao Disney+ o curta animado "Maggie Simpson in The Force Awakens From Its Nap".

As filmagens de "Cavaleiro da Lua", do Marvel Studios, já estão acontecendo em Budapeste!