Polanski desiste de presidir júri do César após boicote de grupos feministas

O diretor Roman Polanski desistiu de presidir o júri do César, premiação considerada o Oscar francês. A decisão se deu depois que grupos feministas convocaram boicote à nomeação devido à acusação de que o cineasta teria estuprado uma menor na década de 1970.

Em menos de uma semana que a premiação divulgou a escolha de seu presidente para este ano, os coletivos conseguiram mais de 61 mil assinaturas em documento que pedia a destituição de Polanski do cargo. E não só isso: a ministra francesa de Direitos das Mulheres, Laurance Rossignol, também condenou a nomeação.

Hervé Temime, o advogado do diretor, soltou comunicado declarando se tratar de uma polêmica “injustificada” e “alimentada por informações errôneas”. Ainda disse que Polanski e sua família foram profundamente afetados por tudo isso, sendo essa a razão para a recusa do convite do César.

O advogado também lembrou que a menor pediu o abandono definitivo das acusações e apoia as tentativas do cineasta de regularizar sua situação nos Estados Unidos. E completou, afirmando que os pedidos de extradição do diretor dos EUA foram negados pela Polônia e Suiça, pois consideram que ele cumpriu a pena acordada entre as partes na época.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não quer perder nenhuma notícia? Siga o nosso perfil no Twitter!

Chloé Zhao irá escrever e dirigir uma nova versão de "Drácula" para a Universal.

2

No @DisneyPlusBR, a série "Agents of SHIELD" foi movida para a sessão "Marvel Legacy", dando a entender que a série não faz mais parte do MCU.

Elizabeth Olsen estrelará minissérie "Love and Death", produzida por Nicole Kidman para a HBO Max, sobre a história real de uma mulher que matou sua colega de igreja com um machado no Texas.

2

Para celebrar o #StarWarsDay, chega amanhã ao Disney+ o curta animado "Maggie Simpson in The Force Awakens From Its Nap".

As filmagens de "Cavaleiro da Lua", do Marvel Studios, já estão acontecendo em Budapeste!